Grupo de Resposta e Atenção ao Meio Ambiente da BUSF participa do Resgate de mais de 80 animais.

Membros da 1ª Companhia do GRAMA – Grupo de Resposta e Atenção ao Meio Ambiente da Organização Bombeiros Unidos Sem Fronteiras em Parceria com Polícia Ambiental, Polícia Civil e ONGs Protetoras de Animais Resgatam mais de 80 Animais em Condições de Maus Tratos na Cidade Paulista de Itaquaquecetuba.

Domingo 30 de Agosto membros do GRAMA e da Capelania da BUSF realizaram a “Operação Liberandum” em parceria com a Polícia Ambiental, Polícia Civil e ONGs Protetoras de Animais. A Operação já vinha sendo elaborada a algumas semanas pela ONG Bartho Grupo de Proteção Animal. Com apoio das ONGs Resgatinho São Francisco e SOS Animais de São Caetano do Sul.

Pelo local foi constatado a real situação de maus tratos dos animais, a responsável pelo local uma senhora de 65 anos EMS, foi devidamente atendida pela equipe de ambulância e da Capelania da BUSF e conduzida posteriormente ao hospital para avaliação física e psicológica sendo em seguida liberada e conduzida para a Delegacia de Itaquaquecetuba para lavratura de Termo Circunstanciado (Maus tratos), após ser liberada pelo Delegado de Plantão e sob atenção da equipe de Ambulância a Senhora EMS foi reconduzida à sua residência.

Com um total de mais de 80 cães e gatos resgatados em sua maioria apresentavam: caquexia, desidratação, presença de carrapatos, sarnas, pulgas e outras doenças. No momento da abordagem, recebemos ainda denúncias de que a idosa EMS estrangulava e espancava os cães. Notificado a polícia foi constatado a veracidade durante a perícia do terreno, através do encontro de ossadas de animais. Todos passaram por avaliação e tiveram amostra de sangue colhidas para exames, sendo encaminhados para um local seguro e para os lares temporários dos voluntários, que atuaram junto ao grupo na ressocialização e cuidados, até estarem aptos para adoção.

A BUSF, trabalhou nessa mega operação com membros do Grupo de Resposta e Atenção ao Meio Ambiente e da Capelania Humanitária. Apesar de reconhecermos a boa vontade da senhora em tentar atender as necessidades dos animais sob seu poder como protetora de animais “como ela dizia ser”, a mesma não apresentava nenhuma condição de tratar dos animais que no local chegou a ter mais de 300 animais aprisionados, pois todos ficavam 24 horas por dia acorrentados, com alimentação precária a cada 4 dias racionada e tomando água suja, como as fotos tiradas constatam, além de várias outras condições insalubres para os animais também foram recolhidos cães paraplégicos que necessitavam de atenções especiais e filhotes ainda na mamadeira em sua grande maioria sem ração e água. Todos os animais resgatados foram conduzidos para um Abrigo onde foram submetidos a avaliação veterinária, primeiros cuidados antes de serem encaminhados para Lares Temporários.

Agradecendo pela liberdade


Parabéns a todos os envolvidos nessa Mega Operação e colocamos o GRAMA a disposições das instituições sérias para outros trabalhos.

"Não Existem Fronteiras,

Quando Trabalhamos Juntos

Por um Mesmo Ideal!"

Observação: A 1ª Companhia do GRAMA está localizada na Região de Interesse Estratégico do ABC Paulista tem sede na cidade de São Bernardo do Campo, estando sob coordenação do Oficial Intermediário Thiago e é um grupo pertencente à Organização Bombeiros Unidos Sem Fronteiras - BUSF, que tem por objetivo a responsabilidade de desenvolver ações globais de PROTEÇÃO e DEFESA do Meio Ambiente, dando enfase à proteção a VIDA em todas as suas formas em áreas urbanas e em todos os biomas do Brasil.

92 visualizações
Todos os Direitos Reservados para BUSF-CPLP - Organização Bombeiros Unidos Sem Fronteiras